Um artigo sobre obesidade

Todos os dias, milhares de portugueses lutam contra uma doença que é ainda invisível para a sociedade, apesar de se refletir no corpo destes doentes.

A obesidade é um problema de saúde crónico e, por isso, sem cura, mas que pode ser controlado. Mesmo assim, o doente obeso convive diariamente com o preconceito de quem acredita que basta ‘fechar a boca’ para não engordar.

Mas entre o excesso de peso e a doença da obesidade atravessa-se uma luta de todos os dias, mesmo para quem já conquistou avanços. “Um doente ex-obeso é um obeso controlado. A obesidade é uma doença crónica. Existe sempre risco de recuperar o peso.

É uma guerra diária e cansativa”, explica ao CM Carlos Oliveira, presidente da Associação de Doentes Obesos e Ex-obesos de Portugal (Adexo), que lamenta a falta de compreensão de muitos portugueses para “uma doença real que tem mesmo de ser tratada”. Numa luta constante contra o próprio corpo, com o cérebro a criar a sensação de fome permanente, os doentes obesos enfrentam ainda uma guerra exterior.

“A partir de determinada altura, estes doentes desesperam com a necessidade de ter de perder peso por razões de saúde e sociais, não conseguem arranjar emprego, têm de enfrentar uma série de dificuldades”, alerta o representante da Adexo. Por isso, estão também mais expostos aos perigos das dietas ‘milagrosas’ e dos produtos que prometem resultados irreais. “No desespero, deitam mão a tudo”, considera Carlos Oliveira. Para vencer a guerra, o caminho não deve ser percorrido sozinho.

 

Posted in Bem-me-quer | Tagged | 6 Comments

Estive doente

Bronquite e pneumonia deixaram-me hospitalizada 10 dias em Viseu.

Foi mau, muito mau.

Mas tive tempo para pensar em muitas coisas, umas mais importante do que outras,

Tive tempo para rever algumas  fotos que tirei há uns tempos.

cand

DSC02161DSC02164

 

Posted in da terra; aldeia | Tagged | 6 Comments

É de lamentar

…quando em qualquer local de trabalho as pessoas se deparam com abusos de poder, com intimidação, com situações de desautorização por parte dos superiores (deixando o trabalhador ser humilhado apenas por querer fazer cumprir os regulamentos impostos por esses mesmos superiores).

Estudos mostram que tais situações levam ao desespero, a depressões,a uma baixa de rendimento no trabalho,  a despedimentos….

Imagine um médico desautorizar um enfermeiro…como acha que vai ser o seu atendimento se entrar logo de seguida para fazer um penso?

Imagine o mesmo num tribunal, numa repartição de correios, das finanças…..

 

 

DSC00642

(Foto de Blueshell)

Posted in estupidez natural | Tagged | 8 Comments

Restos…de vidas

ruin2

(Foto de BlueShell)

Restos de vidas permanecem enquanto o Tempo foge e deixa a sua marca nos que ficam. Lembranças de tempos outros, tempos  e terras e gentes e colheitas e rotinas que nunca chegaram a sê-lo verdadeiramente.

Restos, agora, sim…restos de um calor  que jamais se encontrará.

ruin

(Foto de BlueShell)

Posted in do povo | Tagged | 4 Comments

Tenho frio…

DSC02610

(Foto de BlueShell)

Pois, tenho frio…ou então é coisa psicológica que me dá….

Por hoje chega de aulas. Comecei cedo e ainda há muito  que fazer…

Sim, mas que fazer?

Que fazer quando os alunos já de nada querem saber?

Que fazer quando já nada lhes aquece , nem arrefece? Hein?

Motivar? Mas motivar quem? Os professores, certamente, porque os alunos têm tudo pois tudo os pais lhes dão. ( a alguns, digo eu). Outros, os menos afortunados, esses pouco têm e pouco  pouco desejam…nem sabem o que desejam…provavelmente desejam poder estar em casa e não ali, entre quatro paredes, bem lho vejo nos olhos tristes, sem perspetivas, sem sonhos….

Triste quando os nossos jovens não possuem a capacidade de sonhar, de ir mais além na imaginação.É que assim nada os move, nada os leva a querer um pouco mais do que nada, que é o que eles têm: Nada!

Muitos Nada têm em casa e nada a Escola lhes dá, Nada!

Talvez por isso eu tenha frio…porque regressei de um dia de aulas e só senti o Nada, o vazio…Nada do que eu disse foi realmente ouvido, nada ficou …e o que restou foi um espaço vazio de tudo.

Triste, o vazio…..

 

Posted in EDUCAÇÃO | Tagged | 6 Comments

Já não está entre nós.

Ontem faleceu.
Faleceu no hospital.

Era uma prima minha. prima e colega de escola.
Recordo as brincadeiras tolas de duas adolescentes, os risos, a esperança num futuro que nos levou em direções diferentes.

Ontem faleceu, no hospital de Santarém, vítima de cancro.

Fica em Paz com os Anjos,  ” ‘Miró”

Posted in cancro | Tagged | 1 Comment

Re start, o recomeçar

 

Depois da seca e dos incêndios alguma chuva, finalmente.

E alguma paz.

DSC01872O campo agradece

Posted in Bem-me-quer | Tagged | Leave a comment

Por isso

(Foto de Blueshell)

é chegado o
fim

Posted in All alone | Tagged , | Leave a comment

e então…

O Nada tomou conta de Tudo.

Posted in All alone | Tagged | 1 Comment

this is what it is…


Raivazinha a conta gotas? Nem é

Nem deixa de ser. É como lágrima mal-chorada,

Como céu de trovoada sem chover.

Como sol encoberto que nem deixa antever se dia ou noite é.

Raiva, fúria a conta gotas?

É quando se olha para o lado , se aprecia o jardim público, que nada tem para se ver

 só para evitar dizer

O que nos sufoca o ser.

Nem é, nem deixa de ser.

Venha a noite,

Venha treva…

Venham monstros aos magotes.

E que venham poetas românticos

Com seus ciprestes alados.

Venham diabos a rodos…que é deles???

Eis que já tardam.

Raivazinha a conta gotas…mas que raio…

Se é para se ter raiva…tenha-se logo de uma vez…

 

 https://www.youtube.com/watch?v=zi5Id2ZYWEg

Posted in All alone | Tagged | Leave a comment

Não lamentes

(Foto de Blueshell)

Nunca te arrependas das boas ações que fazes. Mesmo que as pessoas te venham a desiludir mais tarde.
A tua consciência e o teu coração estão puros: isso é que importa.

Never regret your good deeds. Even though the person you did well will disappoint you, or fail you later on.
Your conscience and your heart are pure: that is what really matters.

 

Um excelente domingo para todos

A great Sunday to everybody

Posted in Bem-me-quer | Tagged | 1 Comment

Feliz aniversário, mana.


(foto de BlueShell)

 

Hoje, é o dia de aniversário da minha irmãzita. Para mim será sempre uma menina. Mas uma menina que se transformou numa bela mulher, esposa e mãe.

Tentei fazer uma Pavlova…mas…

Today is my little sister’s birthday, To me she ‘ll be always a child. But a child that became a mature women, a good wife and a brilliant mother.

(I tryed to make a Pavlova…but…)

May The Good Lord bless your home , dearest sister.

Congratulations

Parabéns, mana, e que Deus Abençõe teu lar.

Posted in Hoje, Joy, Parabéns | Tagged | 18 Comments

Um outro Tempo


(foto de BlueShell)

O tempo de erguer montanhas e tocar o céu passou…

…passou como o som da música que era a nossa …

Essa melodia que evocava o nosso Tempo….

Passou o riso e a placidez das tardes de verão à beira dessa fonte

(não dos desejos, não desses…)

 e daquela jarra de barro tosco por onde bebíamos ambos.

Fiozinho de água fresca e pura,

Límpida como meus olhos inocentes…

Só isso, inocentes…sem mais adjetivo algum.

Porque o tempo de se Ser era esse Tempo.

Hoje …apenas a evocação do que já foi.

Hoje…apenas o olhar o céu…

Hoje…apenas o olhar

Hoje…


(foto de BlueShell)

Posted in do Tempo... | Tagged , | 15 Comments

Mais perto…


(foto de blueshell)

 44 Eu, porém, digo-vos: Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem

. 45Fazendo assim, tornar-vos-eis filhos do vosso Pai que está no Céu, pois Ele faz com que o Sol se levante sobre os bons e os maus e faz cair a chuva sobre os justos e os pecadores.

(foto de blueshell)

 

Posted in da terra; aldeia, Do Divino | Tagged | 9 Comments

Hoje

Não virei aqui.

Estarei Todo o dia numa formação acerca do novo programa de Português.

 


(foto de Blueshell)

Posted in de mim | Tagged | 4 Comments